OAB Niterói promove, dia 5 de dezembro, palestra sobre "Avanços e desafios da Lei Maria da Penha"

A Comissão de Assistência às Vítimas de Violência Doméstica, presidida por Eliana do Nascimento Barboza, realiza palestra com o tema "Avanços e desafios da Lei Maria da Penha: comemoração dos 21 anos de ativismo contra a violência doméstica". O evento acontece no próximo dia 5 de dezembro, às 17h30, no auditório da entidade.

O encontro terá como expositores: Claudia Simões Santos, fundadora-presidente das ONGs Associação de Mulheres Vítimas de Violência Doméstica de Itaboraí (Assvit) e Associação de Mulheres Vítimas de Violência Doméstica de Saquarema (Assvits), aluna do curso Tecnólogo em Segurança Pública (UFF/Cederj), que falará das "Dificuldades na instrução do inquérito policial que apura a violência doméstica"; Johana Pardo, doutoranda e mestre em Ciências Sociais pela UFRJ, bacharel em Antropologia pela Universidad de Colômbia, membro do Laboratório de Iniciação Acadêmica em Segurança Pública da UFF, professora substituta na Faculdade de Letras da UFRJ, que abordará "Sobre o amor em excesso e outros demônios: uma análise etnográfica do grupo de ajuda Mulheres que Amam Demais".

Outros palestrantes serão: Bruno Lessa, advogado, vereador em Niterói, presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Inovação, Turismo e Indústria Naval, autor da Lei 3.103/2014, que discorrerá sobre essa legislação, e Luiz Alberto Moreira Coelho, diretor do Posto Regional de Polícia Técnica de Niterói/Maricá, perito criminal da Secretaria de Polícia Civil, engenheiro eletricista e de Segurança do Trabalho, professor de Física, pós-graduado em Perícia Criminal e mestrando em Segurança Civil, que abordará "Perícia Técnica".

O cerimonialista será Antonio Edesio e a mediadora, a advogada Sandra Juraro. Parceria com a Coordenadoria de Políticas e Direitos das Mulheres (Codim).