OAB Niterói online
Notícias
Palavra do Presidente: Brincadeira? Será?

Brincadeira? Será?


 
Por Antonio José Barbosa da Silva

Nas redes sociais circula uma mensagem bem espirituosa a respeito dos quilométricos feriados e pontos facultativos. Ninguém sabe quem é o dono ou a dona da bola.
“Três feriados. O primeiro teve Cristo crucificado. Agora, Tiradentes, enforcado. Depois, vem o trabalhador, endividado”.
É realmente muito inspirado o comentário, por retratar uma verdade indiscutível.,
Há realmente um excesso de feriados.
Sem falar nos enforcamentos que causam um tremendo prejuízo nos meios empresariais e também, é claro, em menor escala, no serviço público. É feriado aloprado, que contrasta com outros países. Lá, é lei do cão: trabalho, trabalho e mais trabalho. Aqui, é a maré mansa.
Já na área do serviço público nem é bom mencionar, provocados pela união, estados e municípios. Os deputados  querem pôr fim aos pontos facultativos para acabar com o absurdo. Seria uma medida ultrassalutar.
Por quê?
Um ponto facultativo quando deságua numa quinta ou terça, ou mesmo, num feriado, é um anauê da melhor qualidade. É transformado em enforcamento.
Os provocados por religião, etnia e outros motivos estão à frente dessa guerrilha.
É preciso acabar com esta cortesia com chapéu alheio. É fora de dúvida.
Nesta endividada terra, cheia de pacotes  de maldades (reforma da previdência e da legislação trabalhista que somente vão prejudicar os mais necessitados e os trabalhadores), há necessidade mais do que premente de colocar um paradeiro nessas benesses com o dinheiro dos outros.
O jeito é acabar com o pouporri, para o crescimento voltar a acontecer. Não será com as reformas que o país entrará com eixos. Porém, com trabalho e menos medidas “saneadoras”, ou melhor, salvadoras da pátria que, no atual contexto, não são adoradas pelo povo, apenas pelos políticos.
Reduzir os feriados e acabar com os pontos facultativos já é uma ótima pedida. Não se esqueçam da copa de mundo, na Rússia, em 2018. Nem é bom pensar.
 
(Publicação em O Fluminense de 19-5-17)



back