OAB Niterói online
Notícias
Desembargadores Cintia Cardinali e Luiz Roberto Ayoub tomam posse no TJRJ

Desembargadores Cintia Cardinali e Luiz Roberto Ayoub tomam posse no TJRJ


 

Dois novos desembargadores tomaram posse nesta segunda-feira, dia 21, no Tribunal de Justiça do Rio. Pelo critério de antiguidade, a desembargadora Cintia Santarém Cardinali assumiu a vaga decorrente do falecimento do desembargador Gilberto Dutra Moreira. Eleito na sessão do Órgão Especial do TJRJ, pelo critério de merecimento, o desembargador Luiz Roberto Ayoub assumiu a vaga em razão da aposentadoria da desembargadora Márcia Cunha Silva Araújo de Carvalho.

Na cerimônia as desembargadoras Ana Maria Pereira de Oliveira e Myriam Medeiros da Fonseca Costa acompanharam a magistrada Cintia Cardinali, enquanto os desembargadores Caetano Ernesto da Fonseca Costa e Maria Augusta Vaz Monteiro de Figueiredo conduziram o magistrado Luiz Roberto Ayoub para a leitura do compromisso e assinatura do termo de posse.

O presidente do TJRJ, desembargador Milton Fernandes de Souza, saudou os novos desembargadores enaltecendo a competência e dedicação em suas trajetórias.

“O Tribunal de Justiça tem o júbilo e a honra de ter magistrados da competência dos senhores. Devo dizer que todos nós ganhamos no dia em que os desembargadores Cintia Santarém Cardinali e Luiz Roberto Ayoub iniciaram a magistratura aqui no Tribunal. Desejo que sigam a mesma trilha de trabalho sério e de sucesso”, assinalou.

Em seu discurso, a desembargadora Cintia Cardinali destacou a experiência que irá vivenciar, a partir de agora, nos debates e decisões colegiadas.

“Ao longo de mais de duas décadas de exercício da magistratura, acumulei a experiência do ato de julgar, em regra, de forma monocrática, solitária. Agora, no segundo grau, integrando um colegiado passaremos a desenvolver um trabalho que represente a síntese dessa troca de conhecimentos e experiências acumuladas. Eventuais divergências advindas, manifestadas de forma respeitosa, decerto irão gerar debates frutíferos que só contribuirão para a oxigenação e o aperfeiçoamento do Direito”, ressaltou.

O desembargador Luiz Roberto Ayoub revelou estar vivendo um sonho alimentado desde quando iniciou na magistratura, há cerca de 20 anos. E agradeceu a todos que contribuíram para que pudesse alcançar este momento.

“Esse sonho que se realiza era esperado há mais de duas décadas, período em que sempre procurei me dedicar ao máximo à minha vida profissional. Entendo que estou cumprindo a missão que a mim foi destinada. Nesse ambiente muitas alegrias senti. Não diferente, muitas injustiças tive que suportar. Mas o apoio que este Tribunal sempre me ofereceu não tem espaço dentro do meu pequeno coração”, disse o desembargador.

Além do presidente do TJRJ, a mesa da cerimônia de posse foi composta pelo procurador-geral de Justiça do Estado, José Eduardo Gussem; pelo defensor público-geral, André Luís Machado de Castro; pelo desembargador Sergio Cavalieri Filho, presidente do TJRJ na gestão 2005-

Fonte: Assessoria de Imprensa do TJRJ



back