OAB Niterói online
Notícias
Palavra do Presidente: Esplendor e fúria

Esplendor e fúria

Por Antonio José Barbosa da Silva - presidente da OAB de Niterói
 
Começou o mês das flores que inspirou os grandes poetas e escritores como Carlos Drummond de Andrade, Raquel de Queiroz, Mario Quintana, Machado de Assis, Manuel  Bandeira e muito mais gente brilhante.
É alegria e mais alegria por conta da natureza, que faz florir as árvores e jardins. Tudo é beleza e é tudo encantador
Pode ser considerado o patrimônio ecológico aqui no Brasil, constantemente agredido pela mão do homem. Mas deixem de lado essas alegrias e os encantos da natureza e dos poetas.
Centrem no outro lado, o obscuro, desta vez, imposto por políticos nesta pátria amada: os eternos problemas que costumam  tirar o sono da sociedade brasileira, causados pelos governos,  após a redemocratização, com  duas raras exceções:  Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso.
Os saem debaixo são o desemprego, falências, fechamentos de lojas e decisões contra os meios  de produção: o capital e o trabalho. É um festival de loucura.
Isso sem levar em conta  três bombas  da maldade,  uma para entrar em vigor em novembro, a reforma trabalhista, e as outras, em gestação, para outubro, reformas da previdência e da política
A primeira deixou praticamente  no pódio o patronato e no fundo da cova o trabalhador. Mas segundo a vice-presidente da Anamatra, Noêmia Porto, nem tudo podem ser flores para o capital.
Eis o que ela diz:
“A médio prazo, as medidas atingirão a produtividade das empresas, em razão da alta rotatividade que provocarão. O patamar de segurança social será reduzido e o conjunto da sociedade sofrerá reflexos nas áreas penal, previdenciária e familiar, no mínimo”, disse.
 
Lembra que “toda a sociedade neste momento tem que se sentir igualmente responsável pelo que foi aprovado e pelo mundo do trabalho que será formatado a partir das alterações que entrarão em vigor. O momento é de esclarecer e de se preocupar. Não é momento de esperanças. É necessário deixar claro que a nova lei retirou direitos e dificultou o acesso à Justiça”.
Agora, a segunda bomba: anunciam para outubro mais um pacotão da maldade, a reforma previdenciária, decantada em prosa e verso pelos políticos  e autoridades como outro salvador da pátria. Destina-se, caso passe no Congresso, a retirar mais direitos dos futuros aposentados.  Que pelo visto, nunca conseguirão o tão almejado descanso.
Para terminar, outra bomba absurda: a proliferação de partidos. Há agremiação para todos os gostos, sem nenhuma representatividade. Qual a finalidade? Somente seus criadores podem saber, mas com certeza, dentre elas,  abocanhar vultosos valores do fundo partidário e servir como meio de barganha.
Tudo, portanto, não passa de uma aberração só. Significa que, na atual conjuntura, o país está no dilema ser e o não ser, parafraseando Shakespear.
Mas  o Brasil sairá dessa enrascada através da força, suor e lágrimas, frase do grande Churchil.

(Publicação em O Fluminense de 22-9-17)



back

:: Mais Noticias
  •  (13-12-2018) - Vice-presidente eleita da OAB/RJ,Ana Tereza Basílio é a paraninfa da última turma de novos advogados
  •  (11-12-2018) - Desembargador Claudio de Mello Tavares é eleito presidente do TJRJ
  •  (07-12-2018) - Juiz Alexandre Chini Neto é nomeado assessor da diretoria da Escola Nacional da Magistratura
  •  (06-12-2018) - Vitória para a advocacia
  •  (06-12-2018) - Obrigado!
  •  (05-12-2018) - 30 anos da Constituição Federal
  •  (04-12-2018) - Presidente da Fundação Municipal de Educação é condecorado com Medalha José Clemente Pereira
  •  (30-11-2018) - Sensação de dever cumprido
  •  (29-11-2018) - Andra Luiza Geraldino Rocha da Silva assume presidência Comissão Defesa, Assistência e Prerrogativas
  •  (27-11-2018) - Subseção Niterói realiza palestra com enfoque na “OAB e o advogado’, dia 3 de dezembro
  •  (26-11-2018) - Palestra na OAB Niterói discute os ‘Pontos controvertidos da Reforma Trabalhista’, dia 4 de dezembro
  •  (16-11-2018) - Palavra do presidente: Fatos relevantes
  •  (09-11-2018) - Palavra do presidente: Chumbo grosso
  •  (09-11-2018) - TRT/RJ elege nova administração para o biênio 2019/2021
  •  (01-11-2018) - Palavra do presidente: Medalha de ouro
  •  (26-10-2018) - Palavra do presidente: O que fazer?
  •  (25-10-2018) - Artigo: O IMPACTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NA SOCIEDADE
  •  (19-10-2018) - Palavra do presidente: Sem sentido
  •  (16-10-2018) - Artigo: Órfãos
  •  (11-10-2018) - Palavra do presidente: Verdade
  •  (05-10-2018) - Artigo: Mais problemas
  •  (04-10-2018) - Artigo:O DANO SINÉTICO E O FIM DO MERO INADIMPLEMENTO CONTRATUAL
  •  (02-10-2018) - Artigo: Caridade